quarta-feira, fevereiro 16, 2011

BOLO HÚMIDO DE LIMÃO DA MINHA AVÓ











Uma receita do meu novo livro do Jamie que só mais uma vez não me defraudou como muito me surpreendeu, pela positiva! Nunca, mas mesmo nunca, na minha vida e olhem que já é longa, comi um bolo de limão a saber mesmo a limão, e não é aquele "travo" a limão é mesmo a limão! leva amêndoas sementes de papoila, mas, o sabor que predomina é mesmo o limão. Para apreciadores de limão como eu e filhos, este bolo é mesmo de outra dimensão!

"Este é um ótimo bolo antiquado e pode ser servido como sobremesa com uma boa porção de gelado. O segredo está em tornar a cobertura de limão o mais fresca e agradável possível, por isso tente comprar os limões biológicos de casca espessa, em vez dos limões comuns tratados com cera e pulverizados. Fiz este bolo muitas vezes para a minha avó, que o servia à sua equipa de whist-um dos membros da equipa gostou tanto dele que se engasgou com os seus dentes postiços e a namorada da minha avó teve que executar a manobra Heimlich!"

Ingredientes:
-115 g de manteiga sem sal amolecida
-115 g de açúcar fino
-4 ovos biológicos grandes (os meus foram biológicos do super)
-80 g de amêndoas moídas
-30 g de sementes de papoila
-raspa de sumo de 2 limões (aqui, usei mesmo biológicos)
-125 g de farinha com fermento peneirada
Para o xarope de limão:
-100 g de açúcar fino
-90 ml de sumo de limão
Para a cobertura de limão:
-225 g de açúcar em pó
-raspa e sumo de 1 limão
Pré- aqueci o forno a 180ºC. Untei e forrei a forma de fundo amovível com papel manteiga. Usei a batedeira elétrica, bati a manteiga com o açúcar fino até obter uma massa leve e cremosa. Juntei os ovos um a um, batendo-os bem. Envolvi as amêndoas moídas, as sementes de papoila, a raspa e o sumo de limão e a farinha peneirada. Deitei a massa na forma e levei ao forno já pré-aquecido durante 40 minutos. Já sabe o tete do palito. Retirei o bolo do forno e deixei arrefecer numa grelha.

Fiz o xarope de limão: aquecendo o açúcar e o sumo de limão num tacho até o açúcar se dissolver. Enquanto o bolo ainda está quente, fiz muitos buracos pequenos no topo do bolo com um garfo e deitei o xarope por cima do bolo.

Para a cobertura: peneirei o açúcar em pó numa tigela e acrescentei a raspa e sumo do limão, mexendo até ficar macio. Quando o bolo está frio coloquei no prato de servir e deitei a cobertura por cima dele. Querem que diga, ok, eu digo: brutalíssimo...

Estou no Facebook aqui!

"Temos de endurecer sem jamais perder a ternura"

[Che Guevara]