quarta-feira, fevereiro 01, 2012

GANSO NO FORNO COM MAÇÃS E AMEIXAS



Como disse anteriormente apareceu dois gansos caseiros em casa da Isabel! Ok, nunca tinha comido ganso(pois..."quem diz a verdade não merece castigo") mas ficou aprovadissimo por mim e filhos, então o meu provador oficial (filho)) disse logo: brutalíssimo que carne tão deliciosa.. o outro anterior fiz um arroz no forno. Este apeteceu-me assar recheado. Que fiz assim! Limpei muito bem o bichinho. Depois esfreguei por dentro/fora com sal marinho e pimenta preta moída na altura. Reservei. Entretanto numa tigela ralei duas maçãs reinetas devidamente descascadas e desencaroçadas, juntei 7 ameixas pretas sem caroço cortada aos bocadinhos, envolvi esse preparado com um cálice de vinho do Porto (era velhinho) e recheei o ganso com essa mistura. Levei ao forno pré-aquecido a 180ºC, num tabuleiro com grelha. Até estar cozinhado. Não, não me esqueci da gordura, pois só a gordura do próprio é mais que suficiente...Servi com um puré de maçã reineta, que fiz assim! descasquei 4 maçãs retirei caroços e cortei em bocadinhos para dentro dum tacho. Juntei uma colher de sopa de manteiga, tapei o tacho e deixei suar em lume brando. Quando as maçãs estavam macias com um espremedor de batatas esmaguei as maçãs, temperei com pimenta preta e só.

Notas: a gordura do próprio ganso, foi mais que suficiente, aliás daí eu usar um tabuleiro com grelha, senão o (ganso) era cozinhado a nadar na sua própria gordura! ( O gansito, pensava que estava a sonhar, estar a nadar no lago). Mas durante a cozedura fui regando com o molho que se formou. Pois o bichinho foi recheado com as frutas e o vinho do Porto, que ao cozinhar foi deixando sair os seus próprios sucos que misturado com a gordura do ganso deu um molho espetacular para regar o mesmo enquanto cozinhava.

"O medo de sofrer é pior que o próprio sofrimento. E nenhum coração jamais sofreu quando foi em busca dos seus sonhos."


[Paulo Coelho]