domingo, maio 06, 2012

FEIRA DO LIVRO DE LISBOA



Ontem dia 5 foi o dia que escolhi, para visitar a Feira do Livro que em Lisboa na minha cidade,  fica situada no Parque Eduardo VII. Uma zona lindíssima para quem conhece. Aliás como é toda a minha Lisboa! (Sorrisos), não, não sou convencida e sim muito confiante, o que é uma diferencia muito grande! Se adoro ser Lisboeta, e sou uma eterna apaixonada pela minha Cidade, não tenho culpa, certo? A minha filha tinha-me falado que gostava de ir comigo à feira, entretanto recebi o convite do meu amigo Flávio Capuleto, que iria estar na feira nesse dia. Resolvi ir para o próprio me autografar o livro "No Calor dos Trópicos" e, também conhecer o meu amigo e Autor. Cheguei cedo, aliás almocei por lá, pois eu e filha queríamos ver a feira com calma antes de encher, como se veio a comprovar mais tarde. Foi um dia de essência que até doeu. Compramos vários livros, com um preço muito mais económico. Pela primeira vez não comprei nenhum de cozinha...(sorrisos) verdade, verdadinha! Vi vários, mas nenhum me convenceu. Depois de devidamente cheirados e desfolhados, consegui me segurar na minha tentação! Pensei: Isabel não há nada de novidades, é tudo igual, mesmo com livros de qualidade que estive com eles na mão, estilo €2,€3,€4, nem esses me convenceram! Não eram por serem baratos que ia comprar, não tenho esse vício Graças a Deus, como eu vi e ouvi comentários: é barato leva! O pessoal não pensa mesmo! Compram só por comprar, é barato vamos a isso! Basta ver as imagens "degradantes" que eu vi nas notícias no 1º de Maio nos Superes Pingo Doce. Bem, mas não estou a escrever para falar do pessoal, e sim do meu dia deslumbrante que tive com a minha filha. Quando chegou perto das 15 horas, era a hora do Autor, estar presente fomos indo para o Pavilhão Clube do Autor, pouco depois chega o Flávio Capuleto, onde estivemos a trocar ideias, e a conversar. Entretanto chegou também um meu amigo de Facebook que é o Dr. Fernando, e estivemos a conversar, até o tema "Pingo Doce" conversamos, e os nossos pontos de vista eram iguais! Começou-se a formar a fila para os autógrafos, e a Isabel vai ter com o Flávio Capuleto, sentei-me e autografou-me o meu livro,  que como já tinha dito na postagem anterior, adorei! A minha filha tira as devidas fotos de nós juntos. Obrigada Caro Flávio por ter tido o prazer de o conhecer pessoalmente, e ter tido o privilégio do autógrafo! Também adorei conhecer o Dr. Fernando e esposa, e não esquecendo o "neto" ou "neta"(sorrisos) nota-se que a boa disposição impera nesta família! Depois continuamos com a nossa visita à Feira, ainda se compra mais uns livros, fui à zona dos Alfarrabistas, para ver se encontrava algum livro de culinária que me encantasse! Hum, mas não! O cheiro sim, as folhas amarelecidas do tempo, também me encanta, pois mostra a História do tempo (livro) mas os poucos que existiam, o conteúdo, não merecia o preço! Daí, saí convencida, mas não convencida...(sorrisos), pois ficou um debaixo de olho, mas achei uma exorbitância o que pediram pelo dito! Mas esta noite até sonhei com o livro, (sorrisos), pois se calhar ainda volto à Feira do Livro. Mas voltando aos Autores, tive o privilégio de conhecer a Danielle Steel, e me autografar o primeiro livro dela, que eu li. "O Meu Filho Nick" simpatiquíssima, e de uma ternura que até dói como eu costumo dizer! Seguimos a nossa caminhada, e fomos ao Autor José Luís Peixoto, para ele me autografar o livro que tinha comprado" Abraço"! Outra surpresa, de uma simpatia e simplicidade, que adorei! Continuando a caminhada, fui cumprimentar o Francisco José Viegas, pois conheço-o já há uns bons anos. Não, não comprei o livro dele! Continuamos a nossa visita e tinha-me esquecido de levar o meu livro da Helena Sacadura Cabral, para me assinar! Mas disse à filha: vou só dar um beijinho, pois é uma mulher que admiro muito! Estava acompanhada com o Mário Zambujal, mas não tive coragem! O seu semblante de tristeza, mesmo a disfarçar, não dava para incomodar esta Grande Mulher! Continuamos a nossa visita, ainda se comprou mais uns livros, e fomos lanchar, e descansar, um pouco! Pois, 53 anitos não são os 33 da filha! (Sorrisos) continuamos com a visita, até perto das 20 horas, a hora que saímos da feira. Um dia passado deliciosamente. Agora fica aqui a foto do livro autografado pelo Flávio Capuleto e algumas das muitas fotos que tirei no Parque Eduardo VII.

Notas: vou dar uma informação! Quem tenha filhos no 7ºAno e que precise de comprar os Maias ou o Aquilino Ribeiro conforme, se for Português A ou B e não tiver ainda comprado os livros, na feira estão a €1 cada obra, não, não me enganei! As capas e encadernação, claro, que não é como as obras que tenho em casa que são do Ano de 1983, mas eu acho que com a crise que está, são excelentes! Aliás estavam bastantes pais a comprar, se precisarem de saber o corredor é só mandarem-me um email que eu digo a editora e corredor ok? Mas também já sabem, se esta informação não interessar, mandem para canto e esqueçam o que leram ok?