sábado, janeiro 26, 2013

COZINHAR COM OS ANJOS EM SUA CASA


Há algum tempo, em conversa com o meu filho, ele disse:-Mãe, está na altura de fazeres algo, com o que tanto gostas (cozinhar). Falamos de várias variantes mas a que mais me fascinou na altura foi mesmo o de serviço de catering em casa, achei a ideia muito interessante. Mas também disse:- Filho, não sou nenhuma chef, ao qual ele respondeu:-Nem precisas! Cozinhar, seja o que for tu sabes, seja salgado, como doce. É a tua cara (uma maneira de dizer). O filho entretanto foi trabalhar para fora do País. Hoje já posso dizer que sei o que é o sindroma de ninho vazio, pois senti, e vou continuar a sentir. Mas o mais importante para mim é mesmo a felicidade dos filhos, estejam perto ou longe e como a minha avó dizia:”o longe faz-se perto, basta querer.” Chegou o filho no dia 24 de Dezembro com as ideias a mil e claro que voltamos a falar no mesmo assunto. Estando o meu filho longe a vontade de cozinhar fugiu, por magia, e ele disse: está na altura de rentabilizares o teu blog (trabalho)! se o disse, muito mais depressa quis que eu fizesse. Como estamos no Ano de 2013, (13) um número de que eu gosto, acho que quer dizer algo, que será mesmo eu iniciar o meu negócio. Ele lançou-me o desafio de tentar criar algo diferente que não o serviço de catering comum. Tentar criar algo mais pessoal que acaba por ser o que define o meu blog.

Pois bem, no que consiste então? Ao invés do típico serviço onde as pessoas contratam alguém para levar a comida e pronto, porque não algo onde as pessoas podem usufruir de todo o processo culinário em torno da refeição? Vão ter um qualquer jantar mas pretendem algo mais pessoal do que levar um grupo a um restaurante... Nada melhor do que dar o jantar na própria casa e se assim entenderem terem a refeição cozinhada na mesma, apreciar não apenas o sabor mas os aromas que ficam no ar, acompanhar a confecção se assim entenderem. Pois bem, é uma questão de ligar, definir o menú, acertar detalhes e pronto... Simples.