segunda-feira, outubro 07, 2013

BOLO DE MEL E AZEITE


Este bolo, foi o Chef Francisco Pavia que passou à minha filha. Bolos de mel e azeite há muitos, mas este, destaca-se pelo sabor brutal. Além do sabor do bolo, é a calda, a cobertura, uma mistura de sabores, que ui, ui...Provei o bolo feito pelo próprio chef, é mesmo brutal como o meu filho disse, pois também comeu. A receita estou a passar com a devida autorização do chef, só que o bolo trazia um creme branco a acompanhar, mas desse creme ainda não tenho a receita. Quem fez o bolo foi a minha filha, surpresa, das surpresas, para quem não gostava de cozinhar, saiu-se lindamente. O primeiro bolo que a minha princesa fez, e que saiu brutal. Só tínhamos que ter escolhido uma forma mais pequena, pois o bolo que comi, do Chef Francisco, era mais alto. Mas, este foi feito pelas mãos da minha Princesa, que pelos vistos como a minha avó dizia:" Mais vale tarde, do que nunca..." Fiquei orgulhosa,

Ingredientes:
-4 ovos
-2 dl de mel
-2 dl de azeite (usou azeite de Murça, virgem extra)
-1 c. chá de canela
-100 g de açúcar
-200 g de farinha
-1 c. café de erva doce
-1/2 colher de sopa de fermento

A filha numa tigela colocou o mel, azeite e ovos, com a batedeira bateu, até a mistura estar bem envolvida. Nessa altura juntou os secos (que previamente tinha misturado numa tigela). Voltou a bater com a batedeira até a mistura estar homogenia. Nessa altura deitou o preparo do bolo num tabuleiro untado. Levou ao forno previamente aquecido a cozer a 180ºC. O teste do palito, ok? Depois do bolo retirado da forma e colocado num prato, aqui fui eu que cortei o bolo aos quadrados (a filha disse:- Mãe, prefiro que sejas tu, para ficar direito, como se ela não soubesse. Mas eu fiz-lhe a vontade, também estava com vontade de colocar as mãos na massa (Sorrisos). Depois com a sua delicadeza pincelou o bolo todo com a calda que tinha feito e reservado. Quando pincelado, colocou a cobertura de tomate, e assim terminou o seu primeiro bolo.

Calda:

-1 L de água (200 ml de água)
-1 Kg de açúcar (200 g de açúcar)
-1 folha (pernada) de alecrim

A filha, levou os ingredientes ao lume num tacho sempre a mexer, até o liquido ficar grosso, estilo xarope. Reservar.

Receita da cobertura:

-3 estrelas de anis (1 estrela de anis)
-5 paus de canela (1 pau de canela)
-1,5 Kg de açúcar (300 g de açúcar)
-750 g de tomate pelado em lata (1 lata de tomate pelado pequena)
-1 pernada de alecrim

Num tacho a filha colocou o conteúdo da lata de tomate e liquido (os tomates cortados aos bocadinhos), juntou o açúcar e as especiarias. Levou ao lume, sempre a mexer até fazer ponto de estrada.

Notas: A minha casa, ficou a cheirar a Natal, como os filhos costumam dizer. O cheiro que emana a casa, é brutal. Agora, um agradecimento ao Chef Francisco Pavia:-Um muito obrigada, pela partilha desta delícia.

P.S. A calda e cobertura a filha fez a quantidade que está entre parêntesis.

________Cada gesto de amor, é partilha, é um tijolo com a qual construímos a eternidade . Tudo se decide por aqui mesmo, nas escolhas e atitudes de cada dia!_______

(Valdirene)