segunda-feira, abril 11, 2016

PAVLOVA COM MORANGOS E DOCE DE MORANGOS COM HORTELÃ QUINTA DE JUGAIS



Claras, há sempre na minha arca, quando preciso de uma sobremesa por vezes recorro às ditas, o que foi o caso. Fiz a Pavlova como sempre faço, aliás está aqui várias. Utilizei o doce de morango com hortelã Quinta de Jugais Serra da Estrela, para regar, o que deu um toque especial.


Ingredientes do merengue:
-3 claras
-170 g de açúcar
-1 colher de (sobremesa) de vinagre
-1 colher de (sobremesa) de Maizena

Bati as claras em castelo, quando batidas juntei metade do açúcar e voltei a bater até fazer picos. Juntei o resto do açúcar, maizena e o vinagre envolvi muito bem com a vara de arames sem bater. Forrei um tabuleiro com papel-vegetal, e deitei o merengue no meio. Com uma colher de (sopa) fui espalhando até fazer um circulo. Levei ao forno pré-aquecido a 150ºC, durante 1 hora. Ao fim desse tempo desliguei o forno e deixei o merengue arrefecer dentro do (forno).


Cobertura:
-200 ml de natas para bater
-1. c. de sobremesa de açúcar
-morangos
-Doce de morango com hortelã Quinta de Jugais Serra da Estrela

Bati as natas em chatilly com o açúcar, depois foi montar a Pavlova. Coloquei a Pavlova num prato, cobri com o chantilly, coloquei morangos e reguei com o doce de morango com hortelã. Foi para o frigorífico até à hora de servir.

"Se você é positivo, então, nada é negativo para você. Se você for negativo, então, tudo será negativo para você. Você é a fonte de tudo o que existe à sua volta; você é o criador do seu próprio mundo."

(Osho)


P.S. Identifico-me na integra com esta mensagem/pensamento. Sou uma mulher muito positiva, sempre fui, desde que me conheço por gente. Não me lembro em 57 anos, alguma vez perguntar porquê, ou porquê eu? Quando tenho situações menos boas na minha vida, se elas se passam é porque tenho que passar por elas, e aprender algo, crescer como mulher, e sempre ensinei os filhos a fazerem o mesmo. Detesto mesmo, ouvir as pessoas a dizerem porquê, porquê eu, já chega de tanta coisa menos boa. Quando oiço isso, nem respondo, e sinceramente tenho pouca ou nenhuma paciência para pessoas dessas, desculpem, mas sou assim. Como agora é "moda" pessoas tóxicas, não muito obrigada! Somos o que pensamos, nesta vida, ou outra, temos que "pagar" o que fizemos menos bem em vidas anteriores, eu acredito. Oiço tanto pessoal dizer: Não faço mal a ninguém, mas tudo me acontece! Mas não sabe o que fez na vida anterior? ;) Sejam ou façam por serem felizes hoje, pelo menos tentem, e não se lamentem tanto. :)