segunda-feira, novembro 16, 2009

POLVO À LAGAREIRO COM CASTANHAS






É a primeira vez que fiz polvo à lagareiro com castanhas. Mas a falar com o Alexandre ele disse-me que era fantástico. Ok, logo à primeira oportunidade fiz. Só que coloquei também umas batatinhas novas cozidas com casca e esmurradas porque o filho adora e eu pensei, pode ele não gostar com castanhas. Pois enganei-me redondamente, o filho simplesmente adorou.
Então vamos à receita. Eu cozo sempre o polvo da mesma maneira e já lá vão uns 14 anos. Foi uma peixeira da praça de (Campo de Ourique) que me ensinou. Arranjo o polvo e lavo o dito muito bem. (Sim, sou eu que arranjo porque gosto muito de arranjar peixe) e, corto as pontas dos tentáculos todos e levo a cozer na panela de pressão sem tempero e sem água. (Em questão o dito coze na sua própria água que vai deitando). Depois de a panela apitar (chiar) o que quiserem é só contar 15 minutos e já está um polvo tenro, e nunquinha pastilha elástica. Deixo arrefecer. Depois de frio corto o polvo e coloco num tabuleiro de barro. Coloquei as batatinhas cozidas com casca(bem lavadinhas claro) e sal que depois dou aquele murro, numa parte, na outra coloquei castanhas cozidas com sal. Coloquei 4 dentes de alhos cortados em falhas e pimento vermelho às tirinhas bem finas. Reguei abundantemente com azeite virgem extra e levei ao forno pré-aquecido a 180ºC até assar o pimento. Servir de imediato...

Notas: Alexandre obrigada por partilhares estas maravilhas.