quinta-feira, janeiro 17, 2019

MACAROONS DE AVELÃ E AMÊNDOA





Uns biscoitos para aproveitamento de claras que tenho sempre congeladas. Uns biscoitos deliciosos para acompanhar um café, chá ou até para se deliciarem sem nenhum acompanhamento. Vamos à receita. Comam como acharem melhor.😎 Vamos à receita!


Ingredientes:
-2 claras de ovo
-85 g de miolo de amêndoa moída
-85 g de miolo de avelã moída
-120 g de açúcar (usei açúcar de coco)
-miolo de amêndoa ou avelã cortado grosseiramente (usei amêndoa granulada)

Bati as claras de ovo com um garfo numa tigela até ficar espumosa (não, em castelo), juntei o açúcar, amêndoa e a avelã, envolvi muito bem, com uma colher de sobremesa, fui retirando massa e coloquei uns montinhos em tabuleiros forrados com papel vegetal.  Levei os tabuleiros ao forno pré-aquecidos a 180ºC, durante 15 minutos ou até dourarem ligeiramente (como fiz com açúcar de coco, o alourar, não vale, é só sentirem uma ligeira firmeza ao toque. Coloquei os macaroons numa rede e deixei arrefecer completamente.

Nota: se fizerem com açúcar refinado, não deixem os macaroons chegarem à cor destes, se chegarem é porque queimaram.😎 Estes ficaram escuros em causa o açúcar de coco que uso.

P.S. Há👉 aqui 207 receitas de bolachas, biscoitos ou cookies, em rascunho há mais umas quantas, e em lista de espera outras tantas.😏

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"O luxo não é o oposto da pobreza, mas da vulgaridade."

(Coco Chanel)

quarta-feira, janeiro 16, 2019

BOLO DE AMÊNDOA RECHEADO COM MOUSSE DE LIMÃO [BOLO DO MEU ANIVERSÁRIO]






Este ano, não queria fazer bolo, não me apetecia fazer jantar, ou seja queria que o meu aniversário fosse como sempre quis na vida. Um dia normal como ele é, sem apagar velas, que nunca gostei, quando criança e jovem era "obrigada" pelos meus saudosos pais, depois casei com 17 anos, continuei a ser "obrigada" a apagar velas, mais tarde aos vinte quando tive a minha filha, e aos 25 o filho,  fui mesmo obrigada a fazer sempre o bolo e apagar as velas. Quando os filhos começaram a  compreender, disseram, num aniversário meu que não fiz bolo: não há anos sem bolo, e ficaram tristes, filhos tristes nunca quis nem quero na minha vida enquanto por cá andar. Faço e farei tudo, que for preciso movo montanhas se for preciso. A partir daí fiz sempre o bolo para apagarmos as velas, nada de festas pois não gosto como muito já escrevi por aqui no blog. Ah, e não me façam surpresas, pois eu sou mulher que não gosta de todo das ditas. Mas como escrevi atrás este ano não queria mesmo e disse ao filho, mas ele disse logo: tudo bem mãe, mas quando sair do trabalho passo aí por casa para te dar um beijinho, trabalhando ele em Oeiras, vir na hora de ponta à Charneca da Caparica atravessar a ponte e chegar cá a casa e eu não ter nada, não, não sou mãe para dar tristezas ou preocupações aos filhos. Disse-lhe filho, a mãe não vai fazer nada de especial, se quiserem vir jantar venham. Ok mãezinha.😄 Assim fiz um bolo simples mas teve a aprovação do filho: brutal.

P.S. Quando me perguntam o porquê de eu dar mais valor à aprovação do filho e não da filha. O valor que dou é igual, pois são os meus filhos que amo, acima de tudo e todos, só que ele sempre foi e é sincero, se gosta diz, mas se não gosta também o diz. Já a filha é aquela Princesa tudo o que a mãe (eu) faça, está divino, maravilhoso. 😎 É só por essa razão que o meu provador oficial (filho) é que dá a nota.


Ingredientes:
-180 gr de açúcar de coco
-250 gr de amêndoas moídas com pele
-5 ovos
-60 gr de pão ralado
-1 c. de (chá) de fermento em pó
-100 gr de manteiga
-rum q.b. (para pincelar os bolos, mas podem passar essa parte)

Misturei-se as gemas com o açúcar, a manteiga derretida e a amêndoa com pele passada pela 1-2-3 (eu nunca deixo em pó gosto de encontrar bocadinhos de amêndoa) batendo muito bem. Depois juntei o pão ralado com o fermento e por fim as claras em castelo, só envolver.  Dividi a massa em duas formas (20 cm) untadas e polvilhadas em pão ralado. Já sabe o teste do palito. No meu forno  levou 20 minutos, já sabe se cozer só numa forma leva um pouco mais, mas aí o teste do palito é infalível.

Nota: eu dividi a massa por duas formas, para rechear com mousse de limão,mas podem fazer só numa forma e cortarem o bolo ao meio.



Mousse de limão:
-1/2 lata de leite condensado
-200 ml de natas para bater
-sumo de 2 limões
-3 folhas de gelatina hidratadas e derretidas

Numa tigela bati o leite condensado com as natas até obter uma mistura homogénea e fofa. Adicionei o sumo do limão e continuei a bater. Juntei a gelatina derretida e envolvi muito bem. Reservei a mousse.

Montagem do bolo:

Forrei uma forma de 20 cm com película aderente, coloquei o primeiro bolo arrefecido e pincelei com rum, depois cobri o bolo todo com a mousse de limão reservada e alisei. Coloquei o segundo bolo e comprimi bem o bolo para aderir bem à mousse. Voltei a pincelar a superfície com rum e envolvi o bolo e forma toda em película aderente. Levei ao frigorífico de um dia para o outro. Barrei o bolo com chantilly e enfeitei com morangos e como não podia faltar o chocolate pincelei com ganache, estilo Picasso😎 com a ajuda da colher fui deixando cair o chocolate à vontade dele, sem pressas e sem frescuras.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Não espere por uma crise para descobrir o que é importante em sua vida."

(Platão)

terça-feira, janeiro 15, 2019

O MEU DIA, O MEU ANIVERSÁRIO

                                                  (Euzinha no dia de Natal de 2018)

Mais um aniversário, só que hoje passei para o degrau de Sexagenária ou 50+10 como eu digo à minha amiga J. ela diz que faço 50, que não coloca na cabeça que tenho 60 a mesma idade dela, diz que é impossível eu fazer 60, que não me vê com os 60 e sim com 50, etc, etc, então eu como não gosto de a contrariar,😳 resolvi o problema dela e digo: ok, tenho 50+10.😎 Não sou hipócrita, não vou dizer que não gostava de ter 30 e saber o que sei hoje com 60, isso era ouro sobre azul. Um termo que muito ouvi mais nova e em criança pela boca da minha avó. Achava disparatado, mas com o passar dos anos como eu aceito e sim é verdade. Ui ui, era mesmo bom, mas como isso é impossível,vamos seguir para bingo continuar a fazer a minha estrada da vida,  por vezes com tanto pedregulho, que continuo a afastar do caminho, eu sou daquelas mulheres que não guarda para fazer o tal castelo, não quero o dito😂

  Sobre fazer anos? Quem me segue ou conhece sabe que sempre gostei de acrescentar anos à idade, é sinal que estou por cá até Deus querer. Agora festejos nunca gostei como sabem, já muito escrevi por aqui sobre isso. Só tenho que agradecer aos meus saudosos pais, só mesmo a eles tenho que agradecer, pela educação e princípios que me transmitiram. Obrigada meus pais por me terem dado oportunidade de vos ter escolhido como pais. Hoje e sempre Amo-os e até aquele dia que vos vou abraçar para todo o sempre, eu acredito.❤❤🙏 Mais um ano sem os poder ouvir, cheirar e beijar, sei que estão comigo neste meu (nosso) dia, e todos os outros da minha vida. Os meus pais, as pessoas que mais me amaram, que saudades doídas tenho. Meus pais, obrigada!🙏

                                                             (imagem retirada da net)

                                         (CAPRICÓRNIO)

    Não entendo o preconceito com esse signo, as pessoas deviam agradecer: não damos sorrisos falsos, não elogiamos para agradar, não fingimos emoções.😏

Estou no Instagram e Facebook aqui! 🙋

segunda-feira, janeiro 14, 2019

BOLO DE NATAL



O Natal já lá vai, aliás estamos já a caminhar do próximo, mas como eu sempre disse e digo: natal é quando uma mulher (eu) quer, daí hoje a 14 de Janeiro trazer este bolo brutal, um bolo para fazer todos os dias do ano, e não só no Natal. Experimentem e depois digam. Vamos ver a receita.


Ingredientes:
-3 ovos
-3/4 de leite azedo (1 colher de sopa de vinagre no leite, repousar 5 minutos)
-3/4 chávenas de óleo
-1 1/2 chávenas de açúcar (usei açúcar de coco)
-2 c. de chá de baunilha
-2 c. de chá de canela
-1/4 c. de chá de sal
-2 chávenas de farinha
-2 c. de chá de bicarbonato
-1 chávena de cenoura ralada
-1 chávena de abóbora ralada
-1 chávena de coco
-1 chávena de polpa de ananaz
-1 chávena de coríntios (hidratados em vinho do Porto)
-1 mão cheia de nozes partidas grosseiramente

Aquecer o forno a 175ºC. Preparar a forma: untar e polvilhar com pão ralado
Numa taça misturar a farinha, bicarbonato, sal e canela.
Noutra taça misturar os ovos, leite azedo, óleo, açúcar e baunilha.
Misturar bem. Adicionar a mistura da farinha. Misturar bem.
Noutra taça, misturar a cenoura ralada, abóbora, coco, ananaz, coríntios e as nozes.
Juntar ao preparado anterior e envolver bem.
Colocar na forma previamente preparada (untada e polvilhada) e vai ao forno pré-aquecido a 180ºC, durante 1 hora.

P.S. Se não conseguir encontrar a polpa do ananaz, não se atrapalhe, coloque as rodelas no liquidificador, pulsar e já está. Se não tiver o mesmo, coloque as rodelas cortadas em bocados dentro duma tigela e com a varinha-mágica catrapúm, faz o mesmo.😎 Eu compro sempre no Jumbo.

Nota: Podem cobrir com frosting de queijo ou outra cobertura ao vosso gosto. Eu deixei simples, foi um bolo para o 👉dia do mimo. Como sempre disse na minha vida e digo: por vezes o menos é mais, o que foi o caso.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"O verdadeiro amor nunca se desgasta. Quanto mais se dá mais se tem."

(Antoine de Saint-Exupéry)

sexta-feira, janeiro 11, 2019

BISCOITOS DINAMARQUESES




Mais uma receita de biscoitos que saltou desta 👉pérola. Mais uns biscoitos como eu já expliquei 👉aqui. Tenho o dia do mimo.😍 Vamos à receita simples e deliciosa. 👉Carreguem aqui, se quiserem mais receitas de bolachas, biscoitos ou cookies.



Ingredientes:
-6 c. de sopa de farinha
-2 1/2 c. de sopa de manteiga
-2 1/2 c. de sopa de açúcar (usei açúcar de coco)
-30 g de miolo de amêndoa granulada+30 g de miolo de amêndoa moído

Amassa-se os ingredientes com a mão, por fim junta a amêndoa moída e granulada, e volta-se a amassar até estar bem envolvido. Estica-se a massa com a ajuda de um rolo de massa e corta-se quadrados com a ajuda de um corta bolachas. Leva-se ao forno pré-aquecido a 180ºC em tabuleiros forrados com papel vegetal. Depois envolvem-se em açúcar, passei essa parte.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Seja humilde, pois até o sol com toda sua grandeza se põe e deixa a lua brilhar."

(Bob Marley)

quinta-feira, janeiro 10, 2019

THE ELEMENTS AÇÚCAR DE COCO NO CONTINENTE


Há uns meses que comecei a usar o açúcar de coco nas minha receitas, apesar de ter ainda algumas em rascunho com açúcar amarelo. Como tenho recebido muitos emails a perguntar onde compro o açúcar de coco, se compro no Celeiro, e que é muito caro. Claro que respondo sempre, alguns até menos simpáticos, quando me ofendem, mas como eu sempre disse e digo, cada um leva a vida como mais lhe convém, aliás eu digo sempre que usem os ingredientes do vosso agrado ou que lhes dêem mais jeito, não posso é aceitar, que me magoem só porque sim. É assim cada um governa a sua casa ou vida como lhe convém, agora não queiram se meter a governar a minha, ok? Voltando ao assunto do açúcar de coco, tirei fotos para quem está interessado, em saber e para todo/a(s) seguidore/a(s) que passam aqui no blog por bem eu vou dizer a marca e valor. Eu compro no Continente a marca é The Elements custa €5,69 cada pacote de kg, uso vários pacotes por mês, sai caro sim senhora, se formos a comparar com 1 kg de açúcar branco 68 cêntimos, o preço do kg deste açúcar de coco, dá para comprar quase 9 pacotes de açúcar branco. Como eu escrevi atrás, a dica fica para quem lhe convier, eu não gosto de guardar para mim, o pouco que sei, partilho convosco.

P.S. 👉O açúcar está nas prateleiras do açúcar normal. Não está nas prateleiras de produtos naturais. (Naturais!?!?!?) Nem todos os Continentes têm. Comprem Online que aí encontram sempre. Também podem comprar aqui neste👉 site até muito mais barato. Eu não sou mulher de sites, sou mulher de toque, olfacto e visão. Gosto de sentir o que compro, sei, sei que sou demodé, mas sou só a Isabel chatinha😂 Só o meu filho por vezes compra-me algo nos sites se eu falo que quero, ele diz logo, deixa mãe que compro e mais barato.😎

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Saber e não partilhar, nunca te fará sábio."

(Lenny Agostinho)

quarta-feira, janeiro 09, 2019

BOLO DE CENOURA





Um bolo para o pessoal que agora apanhou a moda, ah isto faz mal, ah isto agora é que faz bem (dizem as estatísticas etc...) Eu, sou daquelas mulheres que me estou lixando para modas, sejam elas as que forem, se gosto, sim utilizo, seja roupa ou não. Agora se não gosto, ai santa paciência não uso, nem utilizo, antes fora de moda do que mais uma carneira. Tenho o meu blog há 11 anos, e tenho saudades desse tempo, que só se via a tão nossa rica comida tão tradicional, os nossos doces etc...

  Ouve blogs que ficaram no caminho, outros alteraram toda a sua maneira de levarem o blog. Entraram nas modas, ou porque lhes deu jeito, ou porque gostam, ou simplesmente é só mais uns (umas) no "rebanho." Adoro depois ler o que escrevem ou dizem (quando pessoalmente) ah, a idade, ah, temos que pensar que faz mal, ah é tão bom, e nem se sente a falta da antiga alimentação. Ok, sou uma mulher que respeito muito as pessoas, e as suas opiniões, mas também sou a eterna Isabel chatinha, que diz: não me lixem, que queiram mudar toda a alimentação, sabendo que agora a carneirada só segue esses blogs, Instagrans etc, querem ter mais seguidores e afins, tudo bem, mas eu continuo a ser a mesma, e adoro a nossa tão rica gastronomia e doçaria, o meu blog, nunca vai mudar para receitas lhigt, sempre utilizei ervas aromáticas frescas ou secas e colocava (coloco) menos  sal marinho na comida, mas sempre fui assim, a única coisa que alterei, foi o açúcar há anos troquei o açúcar branco pelo amarelo ou mascavado (na doçaria conventual ainda não fiz), agora só utilizo o açúcar de coco. Açúcar branco "quase" não entra cá em casa, só mesmo como escrevi atrás para a doçaria conventual.

  Mas, tanta conversa para falar deste bolo (experiência) que fiz. Um bolo simples que ficou delicioso com as alterações. Mas como sabem a Isabel (eu) tenho que dizer o que acho. Prefiro comer uma fatia mini de um bolo de 👉 cenoura  a comer um bolo inteiro lhigt.😎 Sempre apliquei na minha vida o q.b., tudo o que passa desse patamar, deixa de me interessar.



Ingredientes:
-400 g de cenouras descascadas e picadas na picadora
-1 chávena de açúcar de coco
-1 1/2 chávena de farinha de coco
-1/2 chávena de óleo de coco
-5 ovos
-1 c. de chá de fermento em pó
-100 g de chocolate 70% de cacau
-4 c. de sopa de bebida de coco

Numa tigela coloquei os ingredientes todos, com a ajuda de uma colher de pau envolvi bem todos os ingredientes. Deitei a mistura num pirex untado com manteiga e polvilhado com farinha de coco. Levei ao forno pré-aquecido a 180ºC, no meu forno levou 25 minutos, já sabem o teste do palito. Derreti o chocolate em banho-maria com a bebida de coco e deitei por cima do bolo ainda quente para absorver o chocolate.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Cada dia que amanhece assemelha-se a uma página em branco, na qual gravamos os nossos pensamentos, acções e atitudes. Na essência, cada dia é a preparação de nosso próprio amanhã."

(Chico Xavier)

terça-feira, janeiro 08, 2019

QUEQUES DE NATA E CHOCOLATE




Queques, é um bolo que me lembra a minha infância. É, era um bolo que nunca desiludia, começava sempre por comer as maminhas do queque o que acho que qualquer criança o fazia, pois os meus filhos também o faziam e fazem quando apanham algum com o formato original não o caso deste. A textura e sabor ainda está na minha essência, estes queques de nata e chocolate, não têm o formato tradicional, hoje em dia tento me poupar e tudo o que puder fazer para tal, faço, o caso, usei formas de papel dentro das formas de alumínio, depois de prontos é só retirar.

       As formas de alumínio que as tenho como podem ver 👉aqui, mas que são muito chatinhas para se lavar e leva o seu tempo, o que nesta face da minha vida esse dito tempo tem outra importância que há uns anos atrás não tinha. Dou muito mais valor ao tempo, deixei de me preocupar com coisas e situações "pequenas" isso deixo para trás, aliás tudo o que me incomoda deixei de me preocupar, e isso incluí pessoas. Há pessoas que lhes dei o seu tempo, dei-me toda, chegou a uma altura que disse para mim, não, não merecem o meu tempo nem nada de mim mesmo. Agora até podem deitar o bofes de fora como a minha saudosa mãe dizia, que já perderam, já não vão conseguir ter o que não souberam aproveitar no tempo devido. Sorrisos falsos, não obrigada, como a minha saudosa mãe dizia "muito sorriso pouco siso" (muita simpatia, mas falsa, pessoa de pouco juízo se pensa que alguma vez me enganaria de novo). Sou uma mulher que ainda acredita nas pessoas, só há uma diferencia para a mesma mulher (eu) quando era mais nova, nesse tempo dava a outra face (dava o beneficio da duvida) hoje, nem estou aí, perderam logo na primeira viagem pois ficam logo no devido canto onde fica tudo o que não me interessa na vida. Deixei de dar a outra face, deixei de ser parva. Quem perde? Não sou eu com toda a certeza. Com o caminhar na estrada da vida (idade) fui refinando uns pontos que precisava, outros nem tanto, mas como eu digo: terei que vir várias encarnações aqui, refinarei o resto nessas outras vidas pois eu acredito! Bem deixando de desabafos que não vos interessa para nada, vamos é à receita que apesar dos queques não terem a forma original, o sabor e textura dos mesmos é brutal como o meu provador oficial (filho) diria se os tivesse provado.



Ingredientes:
-225 g de farinha
-50 g de cacau em pó (usei Valrhona 100% cacao)
-1 c. de chá bem cheia de fermento em pó
-1 pitada de sal
-115 g de açúcar amarelo (usei açúcar de coco)
-2 ovos
-200 ml de natas
-80 g de manteiga derretida em banho-maria

Numa tigela grande bati os ovos, natas e manteiga. Adicionei os secos peneirados e fui envolvendo com a ajuda de uma espátula até a mistura ficar homogénea . Deitei a massa nas formas de papel previamente colocadas na formas de mufins. Levei ao forno pré-aquecido a 200ºC durante 20 minutos (estarem firmes ao toque).

Nota: Podem usar o cacau que gostam ou vos der mais jeito. Eu desde que fechou a loja nas Amoreiras Cacao Sampaka um chocolate e cacau que usava há muitos anos trazia sempre de Barcelona todos os anos que lá ia. Quando abriu a loja nas Amoreiras foi ouro sobre azul. Infelizmente fechou, tive que me virar para uma marca que me satisfaça. Escolhi Valrhona, só encontro no ECI.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"É melhor calar-se e deixar que as pessoas pensem que você é um idiota do que falar e acabar com a dúvida."

(Maurice Switzer)

segunda-feira, janeiro 07, 2019

CHILLI




Há muito que não fazia chilli, resolvi o problema. Fiz. Uma comida simples e reconfortante como se pretende. Vamos ver como faço. Já tenho aqui a 👉receita.



Ingredientes:
-carne de vaca picada
-6 dentes de alho
-azeite q.b.
-sal marinho q.b.
-feijão encarnado
-molho (receita abaixo*)
-piripiri q.b.



*Molho:
-1 cebola
-4 dentes de alho
-1 lata de tomate pelado grande
-1 c. sopa de manjericão
-1c. sopa rasa de oregãos
-1c. de café de sal marinho
-1c. de café de açúcar
-azeite
-vinho branco
Refogar tudo, em lume brando durante meia hora . Passar com a varinha mágica e reservar.

Picar os dentes de alho num tacho, regar com azeite vai a lume brando só o tempo de harmonizar sabores (azeite e alhos) nunca deixar alourar os alhos.  Deitar a carne picada de vaca, sal marinho (pouco em causa o sal do molho que se vai adicionar) e deixar cozinhar em lume brando. Quando cozinhada, deitei o molho e envolvi, e deixei cozinhar em lume brando até se misturarem os sabores . Entretanto juntei o feijão encarnado, envolve na carne e deixa apurar coloca piripiri a gosto. Já sabem? Chilli tem que ser picante. Cá em casa a filha não gosta de picante, então antes de adicionar o piripiri retiro uma quantidade de chilli para ela e depois adiciono o dito. Façam como preferirem. Servi com arroz Basmati.

Notas: este molho é óptimo para se colocar nas pizzas. Eu tenho sempre congelado em caixas Tupperware, quando dá vontade de comer uma pizza, é só  deixar descongelar a quantidade durante uns 30 minutos. Fazer a massa ou comprar refrigerada  colocar o molho, depois o recheio e o queijo mozarella ...

P.S. Aqui tenho várias receitas de👉 pizza, com massas feitas na altura ou com massas refrigeradas.

Estou no Instagram e Facebook aqui.🙋

"Lembra-te sempre: cada dia nasce de um novo amanhecer."

(Chico Xavier)

sexta-feira, janeiro 04, 2019

CHEESECAKE DE CHOCOLATE




O filho vinha almoçar, adora Cheesecake e como agora é tão raro ele comer algo feito por mim, eu só tinha que fazer uma das sobremesas preferidas dele. Receitas de Cheesecakes já muitas habitam 👉aqui no blog. O doce de ovos que coloquei só a enfeitar para dar aquele ar, foi destas 👉cornucópias de Alcobaça que também serviram como sobremesa no mesmo dia.😋😎Se não quiserem colocar não precisam de todo. Este Cheesecake é pequeno (forma de 20 cm) se quiserem um maior dupliquem as quantidades.



Ingredientes:
-16 bolachas oreo
-40 g de manteiga

Para o recheio:
-1 pacote de queijo creme (200 gr)
-200 ml de natas
-1 ovo
-2 gemas de ovo
-50 g de açúcar de coco
-4 c. de sopa de cacau em pó (usei Valrhona)
-1 cálice de licor de café
-200 g de chocolate preto derretido (usei Valrhona 70% cacau)

Para o ganache:
-100 g de chocolate preto (usei Valrhona 70% cacau)
-100 ml de natas

Enrolei muito bem uma forma de fundo falso com várias camadas de papel de alumínio. Untei a lateral com manteiga. Reservei.

No robot de cozinha piquei as bolachas até ficar em migalhas finas. Adicionei a manteiga derretida e envolvi muito bem até ficar uma mistura homogénea e forrei o fundo de uma forma de mola. Pressionei muito bem com a ajuda de uma colher de sobremesa, até ficar compacto. No liquidificador bati o queijo creme e as natas até ficar com uma textura lisa. Adicionei o ovo, as gemas e o açúcar: pulsar até misturar bem, adicionei o cacau em pó, "pulsar" mais uns segundos até o pó desaparecer na mistura. Com a ajuda de uma espátula despejei a mistura para a tigela onde se encontra o chocolate derretido em banho-maria envolvido com o licor. Mexi a mistura delicadamente até ficar homogénea. Deitei a mistura na forma previamente preparada com a mistura das bolachas oreo. Levei a forma ao forno pré-aquecido a 180ºC, em banho-maria (esse o motivo da forma ser bem forrada o exterior com papel de alumínio) durante 1 hora e 15 minutos (pressionar com os dedos e sentir firmeza). Deixar arrefecer antes de desenformar. Desenformei e coloquei no prato, levei ao frigorífico 4 horas antes de cobrir com o ganache. Depois fiz umas rosetas com a ajuda do saco pasteleiro com um creme que fiz assim:

  Bati 100 ml de natas em chantilly e adicionei 1 c. de sopa de cacau em pó (usei Valrhona) e continuei a bater até ficar bem firme o que é rápido. Não usei açúcar, neste creme, aliás a receita levou mesmo só a quantidade de 50 g de açúcar de coco como está descrita atrás, e podem crer que estava doce mais que suficiente como o meu provador oficial (filho) disse.

Notas: O chocolate usei o Valrhona, desde que fechou nas Amoreiras Cacao Sampaka, é o chocolate que uso, o grau de cacau do chocolate escolho conforme a receita que vá fazer, tenho sempre em casa vários. Sei que não é barato, mas prefiro a qualidade à quantidade, e podem crer que o sabor marca a diferencia. Mas, não se atrapalhem cada um usa o que lhe der mais jeito ok?

Estou no Instagram e Facebook aqui.🙋

"Nossa vida é um caminho, quando paramos, não vamos para frente."

(Papa Francisco)

quinta-feira, janeiro 03, 2019

BOLINHOS DE AZEITE DE MONFORTINHO





Dia 27 de Novembro estive presente na recente loja O`live By Oliveira da Serra que fica na nossa (minha) linda Lisboa na Rua: da Prata, uma rua que desde que me conheço por gente tanto andei nela, uma rua que hoje traz um pouco de nostalgia, tenho recordações de criança de andar de mão dada com a minha saudosa mãe naquela rua. Quando não havia Centros comerciais, era por aquela rua e outras da minha linda Lisboa que eu tanta vez ia com os filhos às compras. Bem deixando de nostalgias vamos ver como eu fiz esta delicia. Uns bolinhos que aguentam muito tempo nas caixas (se aguentarem😇) Alterei as quantidades, a receita saltou do meu livro 👉Cozinha Regional Portuguesa.



Ingredientes:
-500 g de açúcar (utilizei 200 g de açúcar de coco)
-1 Kg de farinha (utilizei 1/2 kg )
-2 dl de azeite (utilizei 1 dl  de azeite Oliveira da Serra 1ª colheita 2018*2019)
-1 c. de chá de bicarbonato
-4 a 5 ovos (utilizei 3 ovos)
-2 dl de leite (utilizei 1 dl)
-canela (utilizei 1 c. de café)

Numa tigela grande coloquei os ingredientes todos e fui amassando até ligar. Formei bolinhos redondos, molhando os dedos em azeite. Pincelei os bolinhos com gema de ovo batida e polvilhei com um pouco de açúcar de coco. Levei os tabuleiros forrados com papel vegetal ao forno a 180ºC, no meu forno levou 15 minutos, mas cada um sabe do seu forno.

Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"A vida não é uma pergunta a ser respondida. É um mistério a ser vivido."

(Buda)

quarta-feira, janeiro 02, 2019

O MEU CORAÇÃO

                                                            (Imagem retirada na net)
Ao fim de uma ausência, estou de volta. Quem me segue vinha com certeza ver alguma receita nova de Natal apesar de já ter passado, eu venho sempre colocar as receitas que fiz na quadra. Este ano, não fiz nada de novo, este ano não passei o Natal na minha casa.🙏 Hoje trago uma situação e só, amanhã logo trago receitas.

  O meu coração? Não se enganaram é mesmo dele que venho escrever. Há talvez uns 15 anos comecei a ter Taquicardia (arritmia) ou como lhe quiserem chamar. A 1º vez fui logo ao Hospital, fui atendida por uma médica que posso dizer super simpática e atenciosa, ao fim de 2 horas de vários exames, concluiu que era stress. Disse: Isabel, distraia-se e não se enerve. Ok, quem sou eu para discordar. Entretanto ao logo do tempo fui tendo mais crises, fui ao meu médico onde fiz mais uma quantidade de exames, electrocardiograma Holter etc o que os exames diziam estar tudo bem dentro do normal. O meu médico há uns 4 anos receitou-me Concor, para tomar 1 comprimido diário em jejum. Disse-me Isabel vai evitar as crises. Ok, como eu sempre disse e digo, sou a eterna Isabel chatinha, sou teimosa, só faço mesmo o que quero e nunca o que me mandam, primeiro diz que não tenho nada, depois manda-me tomar um comprimido diário. Comprei os comprimidos para ter cá por casa, li a bula e não gostei. Se a minha tensão sempre foi de passarinho até agora (10/5) ou (9/4) anda sempre por aí, pensei (não estou a dizer que pensei certo, pois a única certeza que tenho na vida é que não fico cá) se vou tomar isto diariamente, ainda fico sem tensão, se não morro da doença morro da cura.😂 Ao longo do tempo fui fazendo a minha vida normal, quando tinha alguma crise, o que fazia não era tomar um Concor e sim colocava logo 2 no bucho. e ficava deitada quietinha, até passar o que por vezes leva um dia inteiro.

    Agora perto dos 60 anos, como tinha que renovar a carta de condução de novo (grandes ladrões, mais uma maneira de nos sacarem dinheiro, foi aos 50 (sem atestado médico) agora aos 60 e depois de cinco em cinco se eu estiver por cá) Sempre com atestado médico. Eu sou vintage sou do tempo que quando tirei a carta de condução só se renovava aos 65 anos. Enfim. Tive que ir ao médico para ele tratar do atestado para enviar para o IMT. Só que não passa o mesmo sem fazer todos os exames. Voltando à minha Taquicardia (arritmia) ou o que for, o meu médico mandou-me fazer exames, à 👉visão (esse não foi preciso pois tinha feito há pouquíssimo tempo na 👉Óptica da Villa, foi só pedir para me passarem o relatório, e os restantes de rotina onde fui fazer também um Holter e um Ecocardiograma. O médico que estava a fazer o exame (ECO) foi fazendo perguntas, ao qual respondi e contei por alto a minha estória (história). No final disse-me: encontrei a causa da sua arritmia, e não é para descuidar. O que nunca tinham encontrado nada, pois diziam estar tudo bem, os exames estavam sempre na normalidade, só posso pensar ou andei enganada durante tantos anos ou a idade trouxe-me mais uma chatice.😎 Fiquei a saber que o que tenho pode ser congênito ou ter adquirido. Congênito, não foi (dito pelo médico) pois nunca acusou nada em tantos electrocardiogramas, holters, e ecocardiogramas só agora, aliás no último há 3 anos atrás estava tudo normal (feito pelo mesmo médico). Claro que perguntei logo, Dr. quer dizer que em qualquer altura posso bater a bota?😱👢 Ele olhou para mim com um sorriso no rosto e disse: esse é um mal menor. Pronto, sai do consultório a pensar se morrer é um mal menor, tudo o que vier é pior, dai, só falei com ELE no caminho para casa e pedi, se tiver que ser, que ELE continue a ser meu amiguinho, nunca me deixe dependente de ninguém, ou então que me deixe com a cabeça boa para saber o que fazer (sei). Ficar dependente, dar trabalho e preocupações aos filhos, não obrigada.

   A falar com uma amiga que é médica, ela disse-me Isabel as suas emoções (situações) este ano estiveram no auge. É verdade. A dor da partida do meu saudoso Pai e saudosa Mãe, deixaram marcas, mas quando as situações tocam nos filhos, aí viro leoa ou mesmo o Jardim Zoológico completo.  Mas também sei, que ELE mais uma vez me colocou à prova, mas vai ser meu amiguinho, isto é se eu merecer, se não só tenho que aceitar, como sempre fiz em todas as situações na minha vida. A palavra porquê? É uma palavra que não me assiste, nem nunca me assistiu. Sou uma Mulher que sempre aceitei o bom e menos bom que me apanha na minha estrada da vida. Seja o que ELE tem guardado para mim aceito.🙏

  Isabel, mais uma vez vamos à luta e agarrar o touro pelos cornos, e aqui digo: estou-me lixando para o PAN, querem acabar com os 👉provérbios que tão bem cresci com eles, a minha avó tinha o Mestrado dos ditos. Gosto de animais, sempre gostei, mas não me lixem agora com tanta parvalheira junta.

Peço desculpas do meu desabafo, mas como eu sempre disse e digo: o blog é meu e muito meu, daí coloco o que me vai na alma. Se ofendi alguém, as minhas desculpas, respeito as ideias de cada um, mas também têm que respeitar as minhas, no caso não tiro uma virgula ao que escrevi sobre o PAN.

Estou no Instagram e Facebook aqui.🙋

"Dinheiro perdido, nada perdido;
Saúde perdida, muito perdido;
Carácter perdido, tudo perdido."

(Provérbio Chinês)

Nota: assino por baixo.I. M. 

Carácter tenho e com a idade fui refinando, tenho é pena que haja pessoas que nem saibam o que isso é, e queiram mandar areia para os olhos. Tenho pena de pessoas pequeninas. O que não me faz bem coloco no seu devido sitio: canto, e podem crer que ficam lá. Todos os dias da minha vida tento, não quero dizer que consiga, ser uma pessoa melhor, mas deixei de dar a face há muito. Perdoar, perdoo, mas esquecer não, então para mim, é uma fantochada quando as pessoas apregoam aos sete ventos que perdoam e depois andam a falar das situações, não me lixem. Não sou DEUS, só ELE tem esse dom, já não tenho pachorra nem tempo para falsidades. Não preciso que gostem de mim, basta eu me amar, e que os filhos gostem. O resto? É isso mesmo: resto!

sábado, dezembro 08, 2018

DESEJO UM SANTO NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO ❤❤❤




 Parece que foi ontem que vos estava a desejar um Santo Natal,🎄 mas um ano se passou, e este, passou a correr. Pelo menos para mim foi o que senti. Quem me segue há 11 anos, sabe o porquê da minha ausência, quem chegou agora como não gosto de me repetir, basta carregarem na lateral direita em "ausências".
 O meu desejo é que passem este Natal com quem vocês mais gostam, com muito Saúde, Amor, e harmonia, podem crer que não precisam de mais nada. Tudo o resto chega por acréscimo. Que o 2019 vos traga o que mais desejam são os meus votos sinceros. Até já!❤❤

Nota: Doces de Natal estão 👉aqui.🎄 


Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Paz e harmonia: eis a verdadeira riqueza de uma família."

(Benjamin Franklin)

quarta-feira, dezembro 05, 2018

BOLO DE MILHO CREMOSO






Adoro a Dani Doce, aliás adoro o casal, um casal com uma cumplicidade muito bonita, a Dani uma doce e delicada mulher, o marido conhecido como o bigode na cozinha, um homem bem disposto e bem humorado, ou seja o casal perfeito se isso existe?!?!?😇Vamos ver a simplicidade da receita.


Ingredientes:
-1 lata de milho
-3 ovos
-1 chávena de óleo
-1 chávena de leite
-2 chávenas de açúcar (utilizei 1 1/2 de açúcar amarelo)
-250 g de farinha de milho
-1 c. de sopa de fermento em pó

Colocar no liquidificador o milho com a água e pulsar até ficar uma pasta, adicionar o ovos e pulsar de novo. Juntar todos os restantes ingredientes e pulsar até ficar uma mistura homogénea. Deitar o preparado numa forma untada e polvilhei com pão ralado. Levei ao forno a 170ºC até espetar o palito e sair seco.

Nota: O bolo ficou uma delicia, ou como o meu provador oficial (filho) diz, brutal, se tivesse provado. A textura não tem nada a ver com o do video, o meu ficou um bolo fofo com uma textura húmida q.b. sem ser enqueijado.  Se querem ficar bem dispostos sigam no youtube a Dani o marido e a doce sogra, que até estava com medo de chocalhar o liquidificar pois este era da Dani😂 Adorei. Sogra? Tem sempre a cotação da má 😜 Mas,convenhamos que há sogras e sogras, e noras e noras... e segue para bingo (receita).




Estou no Instagram e Facebook aqui!🙋

"Sogra é aquela mulher que deu existência ao amor de sua vida.
Respeite-a."

(Marta Felipe)

segunda-feira, dezembro 03, 2018

BOLO ENROLADO COM DOCE DE OVOS





Uma torta que tem como nome bolo enrolado, uma receita que saltou do meu livro 👉Doze meses de cozinha, um livro que me acompanha desde os meus 14 anos oferecido pelo meu saudoso pai a meu pedido. Um livro muito completo e por vezes esquecido agora com tantas modernices... Vamos à deliciosa e simplicidade da receita, se não fizerem o doce de ovos para rechear.


Ingredientes:
-4 ovos
-100 g de açúcar (utilizei 80 g de açúcar de coco)
-4 c. de sopa de farinha Branca de Neve
-doce de framboesa (recheei com doce de ovos)

Bati as gemas com o açúcar até obter um creme fofo. À parte bati as claras em castelo firme e adicionei-as cuidadosamente ao preparado anterior, alternando com farinha Branca de Neve [uma Marca de Excelência, distinguida com o selo Superbrands] peneirada. Deitei a massa num tabuleiro untado e forrado com papel vegetal de novo untado com manteiga. Levei a forno pré-aquecido a 180ºC, durante 15 minutos. Coloquei a torta num pano de cozinha polvilhado com açúcar em pó e enrolei. Quando a torta (bolo enrolado) estava arrefecido recheei, voltei a enrolar e polvilhei com açúcar em pó.

Doce de ovos:
-3 gemas
-125 g de açúcar
-60 ml de água
-vagem de baunilha

Coloco um tacho ao lume com a água, açúcar e a vagem de baunilha. Deixo fazer ponto de pérola (leve), depois retiro o tacho do lume e deixo arrefecer um pouco. Quando morno juntei as gemas batidas e envolvi muito bem com a vara de arames. Levo de novo ao lume até cozer as gemas e fazer o ponto de estrada.



Pestana
Bimby
LG
Ambar
Cartuxa
Vista Alegre
Branca de Neve
Continente
LIDL
Sport Zone
O Prego da Peixaria
Bom Petisco
CTT
EDP
Recer
Revigrés
Médis
Remax
BPI
Millennium BCP
Montepio
American Express
Multibanco
Jornal de Noticias
Público
RFM
RTP
TSF
Renascença
OPEL
Mercedes
Sapo
Sport Lisboa e Benfica