quarta-feira, maio 16, 2012

CARNE DE PORCO COM MOSTARDA DIJON E VINAGRE BALSÂMICO NO FORNO



Tinha uma peça de carne de Porco, apeteceu-me fazer algo diferente! Em muita boa hora o fiz! Barrei a carne  com sal marinho grosso. Coloquei a carne num tabuleiro de barro ao tamanho da carne. Para a própria ficar aconchegadinha...pois, a carne estava a precisar de miminho! (Sorrisos) sem gordura nenhuma. Levei ao forno pré-aquecido a 90ºC, durante 2 horas. Ao fim desse tempo retirei a carne do forno e pincelei toda com uma mistura que fiz anteriormente. 1 colher de (sopa) de mostarda Dijón muito bem envolvida com 5 colheres de (sopa) de vinagre balsâmico. Levei de novo ao forno a uma temperatura de 200ºC, até dourar, o que foi rápido. Servi acompanhada com um puré de batata com salsa. O puré faço o normal, já sabem caseiro. Depois junto uma mão cheia de folhas de salsa picadas e envolvo muito bem, tempero com pimenta preta moída na hora, um pouco de noz-moscada ralada também na hora. Comentário do meu provador oficial (filho): brutalíssimo...

Notas: a carne ao ser cozinhada a baixa temperatura, fica com uma textura de se comer à colher. Agora quando eu disse que no puré era as folhas da salsa, é mesmo o que eu uso, quando a salsa é para se comer crua. Com uma tesoura e paciência corto as folhitas, e depois é que pico as mesmas numa tábua com uma faca. Pois os "talos"das salsa e coentros, quando se comem crus amarga, o que neste caso iria amargar o puré! Isto é só uma dica, se quiserem colocar os "talitos" estão à vontade e esqueçam o que leram anteriormente,ok?


"O conhecimento torna a alma jovem e diminui a amargura da velhice. Colhe, pois, a sabedoria. Armazena suavidade para o amanhã."

[Leonardo da Vinci]