segunda-feira, novembro 11, 2013

FEIJOADA DE CABRITO COM COUVE PORTUGUESA


Quem me segue sabe que os meus filhos não gostam de borrego, cabrito nem cordeiro. Mas o Ano passado quando o filho esteve fora, a falar com ele no Skiper, sobre as comidas que ele comia, apercebi-me que comia muito borrego, cabrito e cordeiro ok, perguntei-lhe:-Então filho, já gostas dessas carnes? Ao qual ele respondeu que com os condimentos nem sabia às carnes atrás mencionadas. Quando o filho chegou na véspera de Natal, pensei fazer um cabrito especial para o dia de Natal, para tirar as teimas de ele dizer: não gosto!Também foi uma receita com muitas especiarias, até gostou, e eu toda contente que já gostava destas carnes. (Sorrisos) só que "foi Sol de pouca dura". Chegou a casa da Isabel um cabrito caseiro vindo de Resende, e a acompanhar umas couves Portuguesas que eram uma delícia, resolvi fazer uma feijoada, com a parte do cachaço e costelas, pois para mim essas partes são do melhor para fazer as feijoadas e caldeiradas. Só que está provado, o meu filho, não gosta mesmo destas carnes... Com muitas especiarias até comeu enquanto esteve fora e cá em casa no Natal e gostou. Mas, quando o sabor predominante é das carnes em questão ele não gosta mesmo. Respeito,e que eu faça, não come mais e a filha igualmente.... Vamos ver como fiz.

Coloquei uma cebola picada num tacho regado com azeite. Juntei umas rodelas de chouriço (vindo também de Resende, o que era excelente). Deixei cozinhar em lume brando até a cebola murchar. Nessa altura juntei o cabrito cortado aos bocados, e juntei 1 colher de sopa de massa de pimentão, salpiquei com um pouco de vinho branco e sempre em lume brando fui deixando cozinhar o cabrito. Fui juntando golinhos de água sempre que era necessário. Quando cozinhado juntei uma couve Portuguesa esfarripada e préviamente lavada, temperei com sal marinho e deixei cozinhar a couve, sempre em lume brando. Quando cozinhada, juntei o feijão encarnado que desta vez foi de lata, temperei com pimenta Cayenne e juntei um molho de hortelã, deixei sempre em lume brando harmonizar sabores...

Notas: só acrescentei o sal na altura da couve, pois utilizei massa de pimentão, e como sabem já tem sal, mas cada qual faz como melhor lhe agradar.

__________algumas pessoas preferem ser medíocres. Outras, quando resolvem não ser, correm o risco de perder amigos.__________

(Oscar Wilde)