quarta-feira, janeiro 07, 2015

TRONCO DE NATAL




Sei que o Natal já passou, mas utilizando o cliché (Natal é quando o homem quiser, neste caso mulher). :) Tronco de Natal não pode faltar na minha mesa de Natal, como todas as restantes iguarias. :)  Tento sempre fazer uma receita diferente, tronco de Natal, para mim não é mais que uma torta com decoração diferente. Mais uma receita que é brutal!


Ingredientes:
-6 ovos
-200 g de açúcar
-170 g de farinha
-20 g de cacau
-1 c. chá de fermento em pó
-1 pitada de sal

Recheio:
-3 dl de leite
-2 dl de natas
-100 g de açúcar
-40 g de farinha
-1 pitada de baunilha (usei 1 c. de café de baunilha líquida)
-1 ovo + 2 gemas

Cobertura:
-200 g de chocolate preto (usei Valrhona)
-200 ml de natas


Bati muito bem os ovos com o açúcar durante cinco minutos. Peneirei a farinha com o cacau, fermento em pó e sal. Envolvi com a espátula. Deitei o preparado num tabuleiro (30 cm)  forrado com papel vegetal e untado. Levei o tabuleiro ao forno pré-aquecido a 190ºC, durante 20 minutos. Retirei do forno e desenformei sobre uma folha de papel vegetal polvilhada com açúcar em pó. Reservei.

Para o recheio, levei ao lume o leite com as natas. Antes de levantar fervura, adicionei os restantes ingredientes misturados. Mexi sempre com uma vara de arames até ferver. Retirei do calor e deixei arrefecer. Barrei a torta com o recheio e enrolei a torta com a ajuda do papel vegetal. Reservei.

Para a cobertura, coloquei o chocolate partido com as natas num tacho pequeno. Levei ao lume e mexi sempre até obter um creme homogéneo.

Cortei uma fatia larga transversal, com a ajuda do creme de chocolate colei a fatia (imitar um tronco). Cobri com o creme de chocolate. Polvilhei com açúcar em pó, coloquei 3 cerejas cristalizadas à volta coloquei fios de ovos. Simples, como gosto! Sem muitas fantochadas.

"Ser feliz é encontrar força no perdão, esperanças nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. É agradecer a Deus a cada minuto pelo milagre da vida."
(Augusto Cury)